SOURCE: WomanSavers.com

November 14, 2007 05:00 ET

Pessoas que Estejam Conscientemente Disseminando DSTs Perigosas Devem ser Processadas?

PHOENIX, AZ--(Marketwire - November 14, 2007) - De acordo com uma pesquisa internacional recente sobre mulheres realizada pela WomanSavers.com, 49 por cento delas disseram já terem sido infectadas sem saber com uma DST (doença sexualmente transmissível) por seus parceiros. As estatísticas da American Social Health Association indicam que uma a cada cinco pessoas nos Estados Unidos tem DST.

Segundo o Center for Disease Control, 50% dos homens e das mulheres sexualmente ativos contrairão uma infecção por HPV (Human Papillomavirus) durante a vida. Isso é especialmente perigoso porque os homens podem hospedar e transmitir essa doença sem mostrar nenhum sintoma ou sem saber da sua própria infecção. O HPV está crescendo em proporções epidêmicas e não tem cura conhecida. O que é especialmente perigoso para as mulheres é o número crescente de mulheres que contraem o câncer cervical pelo HPV. Em 2004, a American Cancer Society estimava que aproximadamente 40% das mulheres que desenvolveram câncer cervical causado por HPV morreria em decorrência dessa doença.

No Reino Unido, o número de pessoas em que se diagnosticaram DSTs cresceu 63 por cento, de acordo com a Health Protection Agency, com um aumento alarmante de doenças que se imaginavam estar sob controle. Os casos de sífilis apresentam o crescimento mais drástico, com uma elevação de 1.607 por cento. A gonorréia cresceu 46 por cento, o Herpes subiu 31 por cento e os casos de protuberâncias genitais, 22 por cento. E o que é mais alarmante, novos casos de HIV triplicaram. As pessoas sob maior risco são os jovens entre 16 e 19 anos, com 45 por cento de casos de Gonorréia sendo diagnosticados dentre os adolescentes.

Stephany Alexander, especialista em relacionamentos humanos virtuais e autora de "Sex, Lies and the Internet", um novo livro que alerta para os perigos das relações virtuais, notou uma correlação alarmante entre a crescente popularidade dos encontros virtuais e um aumento das doenças sexualmente transmissíveis.

Sra. Alexander observa: "na medida em que mais e mais pessoas usam a Internet nas relações, é cada vez mais importante que elas façam um levantamento completo do histórico do possível novo parceiro, especialmente diante do aumento das doenças sexualmente transmissíveis." Sra. Alexander continua: "a Internet também pode ser uma das melhores formas de se fazer um levantamento sobre o passado do parceiro em potencial". Um site polêmico, WomanSavers.com, oferece às mulheres um meio único de se fazer um levantamento gratuito com a publicação de referências pessoais de mulheres que avisam as demais sobre homens potencialmente perigosos. Sra. Alexander continua: "embora em muitos casos homens e mulheres talvez não saibam que estão disseminando DSTs, é altamente recomendável que, antes de se envolverem com um homem, as mulheres procurem o nome dele em um site de referências pessoais como, por exemplo, o WomanSavers.com, para saber se outras mulheres relataram experiências negativas com ele, inclusive a transmissão de doenças sexuais."

Com a crescente discussão sobre o compartilhamento de informações pessoais na Internet, quantas dessas informações podem ser compartilhadas legalmente para proteger os direitos da vítima e a privacidade é um assunto cada vez mais controverso. Sra. Alexander conclui: "quando acontece de uma pessoa ser infectada por uma doença que atenta contra a vida, ela não apenas tem o direito de saber se o novo parceiro tem uma DST, mas se ele está disseminando a doença conscientemente, e tem o direito de processá-lo, assim como faria se ele estivesse causando o mal de outras formas."

Sobre WomanSavers.com

O WomanSavers.com está entre os 5% dos sites mais conhecidos entre as mulheres em todo o mundo. Trata-se do maior banco de dados mundial sobre homens de comportamento abusivo e dissimulado classificados pelas mulheres que os conhecem. O WomanSavers conta com o fórum para mulheres que sofreram abuso mais conhecido da Internet, além de informações, artigos e observações de infidelidade e relacionamentos.

Contact Information