SOURCE: TIM Participacoes SA

May 04, 2010 17:59 ET

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. divulga seu resultado consolidado do primeiro trimestre de 2010

RIO DE JANEIRO, BRASIL--(Marketwire - May 4, 2010) - A TIM Participações S.A. (BOVESPA: TCSL3) (BOVESPA: TCSL4) (NYSE: TSU), a empresa que controla diretamente a TIM Celular S.A. e a Intelig Telecomunicações Ltda., divulga o resultado do primeiro trimestre de 2010. A TIM Participações S.A. ("TIM Participações" ou "TIM") fornece serviços de telecomunicações com presença nacional.

Destaques do 1T10

  • Sinais positivos da nossa abordagem do mercado: (i) A base da Infinity ultrapassou 23 milhões de linhas, representando agora 2/3 da base total de pré-pago; (ii) 70% da receita bruta de pós-pago resultado das nossas ofertas 'Infinity' e 'Liberty', (iii) alta adesão do 'Chip avulso' (>60% do acréscimo bruto do consumidor de pós-pago);
  • Base de assinantes aumentou 17,3% Ano após Ano, alcançando 42,4 milhões de linhas em março. Acréscimo bruto de 5,5 milhões de linhas representa a melhor série de T1 (+42,4% Ano após Ano);
  • Base de pós-pago alcançou 6,6 milhões de usuários (+6,9% ano após Ano) revertendo a tendência do 4T09 (-1,8% Ano após Ano). Tendência ao crescimento no mix pós-pago do acréscimo líquido, de 2,4% no 2T09 para 20,8% em março. O pós-pago bruto aumentou 46,7 Ano após Ano;
  • Uso de minutos forte de 100 minutos (+42,4% Ano após Ano). Novas ofertas estimulam o uso líquido (local e LD), mantendo a interconexão sob controle;
  • Qualidade do Serviço de Rede 100% dentro dos requisitos da Anatel em março de 10, preservando a qualidade apesar do grande aumento do uso;
  • Receita líquida do serviço alcançou R$3,146 milhões, um crescimento de +5,4% Ano após Ano (ou +5,3% somente para a TIM). Considerando os números das Normas Internacionais de Contabilidade (declarada pelo acionista controlador), o crescimento da TIM somente deve ser de +6,2% ano após Ano. Crescimento de dois dígitos na receita de saída de voz (+12,3% Ano após Ano);
  • Custo da Aquisição do Assinante (SAC) do mercado comparável cai para R$78 (-24,6% Ano após Ano) - após a nova abordagem do mercado (Chip-somente e comissionamento racional) permitindo uma redução da proporção SAC/ARPU (Receita Líquida Média por Usuário) de 3,3x;
  • Redução de 3,7 % de OPEX Ano após Ano - mantendo o plano de eficiência para financiamento da intensa atividade comercial. Detalhes: Custo de Mercadorias Vendidas (-16%), Dívida Incobrável (-33%), Gerais, Administrativas e Pessoal (-8%), Rede e Interconexão (-4%) e comercial (+10%);
  • EBITDA com aumento sólido de 30,9% Ano após Ano para R$810 milhões. Margem de EBITDA alcançou 24,8% (25,8% somente a TIM), uma forte melhora dos 19,5% no 1T09 (20,1% somente a TIM). Considerando os números das Normas Internacionais de Contabilidade (declarada pelo acionista controlador), o crescimento da TIM somente deve ser de ~29% no 1T10.
  • Lucro Líquido de R$30,0 milhões no 1T10 vs. prejuízo de R$165,2 no 1T09;
  • CAPEX total de R$575,8 milhões (3x vs. 1T09) - para acelerar a integração da Intelig e o lançamento de 3G e melhorar a capacidade de 2G.

Chamada de Conferência do 1T10

Chamada de Conferência em português:
4 de maio de 2010, às:
09h00 de Brasília
08h00 da Costa Leste dos EUA

Chamada de Conferência em inglês:
4 de maio de 2010, às:
11h00 de Brasília
10h00 da Costa Leste dos EUA

Para mais informação, acesso o website da Empresa:
www.tim.com.br/ir

Contact Information