SOURCE: Cisco Systems

December 03, 2006 19:00 ET

A Cisco Anuncia a Primeira Tecnologia do Setor para Reparos de Erros em Vídeo e Mudança Rápida de Canais Baseada em Padrões e Rede cuja Finalidade é Aprimorar a

Experiência de se Assistir à Programações Através da Tecnologia IP NGNs

A Tecnologia de Experiência de Qualidade Visual da Cisco Ajuda a Reduzir o Capital da Prestadora e as Despesas Operacionais ao Mesmo Tempo que Aumenta a Satisfação do Cliente

HONG KONG -- (MARKET WIRE) -- December 3, 2006 -- A ITU TELECOM WORLD -- Cisco(R) (NASDAQ: CSCO) ampliou hoje as capacidades de oferta de vídeo de sua arquitetura de Rede da Próxima Geração para o Protocolo de Internet (IP NGN, sigla em inglês de Internet Protocol Next-Generation Network) com a introdução da tecnologia Experiência de Qualidade Visual (VQE, sigla em inglês de Visual Quality Experience) elaborada para aprimorar os serviços com fio de IPTV e a experiência de exibição de programação dos assinantes. A tecnologia VQE permite a realização de reparos de erros em vídeo e a mudança rápida de canais baseada em rede, ou seja, dois desafios significativos no desenvolvimento e na oferta de serviços com fio de IPTV.

Stefano Nocentini, Vice-presidente de Tecnologia Inovadora de Serviços e Engenharia da Telecom Itália, disse, "Uma experiência transparente de mudança de canais é um fator-chave na satisfação que o assinante tem em relação à exibição de programação em IPTV. Um retardo de um a dois segundos é um fator inaceitável a qualquer pessoa que esteja surfando os canais, e isso seria uma barreira significativa de muitos outros assinantes adotarem o serviço. A tecnologia de mudança rápida de canal da Cisco utiliza protocolos padrão do setor para poder oferecer essa capacidade de maneira eficiente do ponto de vista financeiro, além de prestar uma melhor experiência de vídeo".

Baseada nos padrões do setor, inclusive o Protocolo de Controle de Transferência em Tempo Real (RTCP, sigla em inglês de Real-time Transport Control Protocol) e o Protocolo de Transferência em Tempo Real (RTP, sigla em inglês de Real-time Transport Protocol), a tecnologia VQE permite às provedoras prepararem redes para oferecer serviços avançados de vídeo, como o IPTV, detectando e reparando perda de pacotes em linhas degradadas. Essa tecnologia também permite a mudança rápida de canais baseado em rede para aprimorar a experiência que os assinantes de IPTV têm ao assistirem a uma programação. Inicialmente a tecnologia VQE será oferecida como um componente eletrônico e, em breve, será integrada aos roteadores da série 7600 da Cisco.

Funcionando juntamente com caixas do tipo “set-top” para detectar e acelerar as solicitações de mudança de canais, a tecnologia VQE da Cisco de mudança rápida de canais reduz as vezes que se muda de canal, passando de vários segundos para menos de um segundo, iniciando os fluxos de vídeo 100 milisegundos após o assinante solicitar uma mudança. O resultado é nítido ao telespectador, que presencia uma mudança ininterrupta de canais seguida de um movimento sucessivo do vídeo.

As prestadoras de serviço que estão utilizando a tecnologia VQE da Cisco também podem detectar erros na transmissão de pacotes de vídeo resultantes da degradação de linhas de cobre e tomar medidas corretivas. Com essa tecnologia, uma caixa do tipo “set-top” que detecta a perda de pacote é capaz de solicitar uma retransmissão, enquanto mantém a seqüência de vídeo na fila. A rede repara automaticamente o erro transmitindo o pacote perdido, que, por sua vez,é novamente seqüenciado pela caixa “set-top” sem interrupções. O ciclo completo de reparo do erro leva menos de 100 milisegundos para ser concluído e é um processo imperceptível ao telespectador.

"Ao oferecer uma maneira de superar problemas sistêmicos da rede de maneira proativa, com detecção e reparo da perda de pacote, a tecnologia VQE reduz os custos envolvidos com a manutenção e garante a qualidade da experiência do serviço de vídeo que os assinantes têm," declarou Eve Griliches, Gerente de Pesquisas da IDC.

A geração contínua de relatórios de erros na tecnologia VQE da Cisco permite que as prestadoras de serviço solucionem problemas em áreas inteiras de serviço.Diagnosticando os problemas que ameaçam a oferta bem-sucedida do serviço de IPTV de maneira proativa, e implementando reparo de erros através da rede, as prestadoras de serviço ajudam a aumentar a aceitação do serviço, reduzir as queixas feitas pelos clientes, evitar reparos dispendiosos realizados no próprio local e reduzir o cancelamento do serviço por parte dos assinantes.

Mike Volpi, Vice-presidente Sênior do Grupo de Tecnologia de Roteadores e Prestadoras de Serviço da Cisco, declarou, "Os usuários que cresceram na era da Internet têm uma expectativa bastante elevada em relação aos serviços de vídeo da nova geração. A IPTV e o vídeo digital prometem recursos avançados, como ofertas ampliadas de conteúdo personalizado, ângulos múltiplos de câmeras e links interativos da Web que modificarão completamente a experiência de se assistir a uma programação. No entanto, os telespectadores também esperam o básico, ou seja, alta qualidade de imagem e mudança rápida de canais. Ao integrar essas inovações na infra-estrutura da rede, a Cisco oferece às prestadoras de serviço uma maneira eficiente e eficaz do ponto de vista financeiro para lidar com as expectativas da linha de base do telespectador, ao mesmo tempo que oferece avanços técnicos que irão realmente diferenciar suas experiências de assistir a uma programação".

A tecnologia VQE da Cisco é a mais atual em relação a uma série de inovações da Cisco que aprimoram a qualidade do serviço de vídeo e experiências ao assistir a uma programação. Outras inovações incluem o seguinte:

-- Controle de admissão de conexão de vídeo – Este recurso ajuda a garantir a experiência de alta qualidade ao se assistir a uma programação, mesmo quando a demanda por vídeos resulte em uma assinatura sobrecarregada da rede, ou seja, uma situação que se tornará cada vez mais comum à medida que os sistemas de IPTV seja cada vez mais implementados e o número de assinantes aumente.

-- Modulo de Monitoração de Qualidade em Vídeo – O Módulo de Análise de Rede da Cisco monitora os fluxos de vídeo em tempo real e envia alertas proativos às prestadoras de serviço se a qualidade da imagem degradar, permitindo-as determinar a causa da respectiva degradação e corrigir o erro antes que os assinantes prestem uma queixa.

-- Detecção de Falhas – Os roteadores da série 7600 da Cisco suportam os padrões baseados nos padrões 802.1ag e 802.3ah do IEEE referentes à Manutenção da Administração e Operações da Ethernet (OAM).

-- Resiliência IP/MPLS – A Comutação de Rótulo de IP/Multiprotocolar oferece um suporte adicional para o ISSU e o encaminhamento ininterrupto com a comutação de estado pleno (NSF/SSO), além de garantir a disponibilidade mesmo se o painel de controle falhar. Os roteadores da série 7600 da Cisco também oferecem proteção ao link MPLS e redundância do tipo "pseudofio" para falhas na camada 2.

Para obter mais informações sobre como a Cisco está capacitando as prestadoras de serviço e seus respectivos clientes a se beneficiarem desta transição para o "Vídeo 2.0", visite o site da Cisco em: http://www.cisco.com/go/ipngn7.

Informações sobre a Cisco Systems

A Cisco (NASDAQ: CSCO) é a empresa líder mundial em redes que transforma a maneira como as pessoas se conectam, comunicam e participam. Informações sobre a Cisco podem ser localizadas no site http://www.cisco.com. Para saber as notícias contínuas, visite o site http://newsroom.cisco.com.

Cisco, Cisco Systems e o logotipo da Cisco Systems são marcas comerciais registradas ou marcas comerciais da Cisco Systems, Inc. e/ou de suas empresas afiliadas nos Estados Unidos e em determinados outros países. Todas as outras marcas comerciais mencionadas neste documento ou site são de propriedade de seus respectivos proprietários. O uso do termo parceiro não implica em um relacionamento de parceria entre a Cisco e qualquer outra empresa. Este documento é informação pública da Cisco.

Para apresentações diretas de RSS de todas as notícias da Cisco, visite "News@Cisco" no seguinte link:

http://newsroom.cisco.com/dlls/podcasts/rss.html

Contact Information