SOURCE: Cutting Edge Information

Cutting Edge Information

March 08, 2011 08:04 ET

Desenvolvimento clínico na América Latina acelera sucesso de testes

Demanda não atendida e forte confiança do médico conduzem a compra do paciente, de acordo com um novo estudo da Cutting Edge Information

RESEARCH TRIANGLE PARK, NC--(Marketwire - March 8, 2011) - A América Latina oferece grandes oportunidades para as empresas em busca de recrutamento acelerado de pacientes, de acordo com o resultado do Emerging Markets Clinical Development Series: Latin America (Série de desenvolvimentos clínicos nos mercados emergentes: América Latina). Os executivos de desenvolvimento clínico deram à América Latina 8 de 10 pontos quanto ao acesso a pacientes. Os experts em clínica também também deram alta pontuação à retenção de pacientes na região -- 7,7 de 10.

Atendimento de necessidades carentes

"A infraestrutura regional ainda não atende às necessidades de muitos pacientes em termos de terapias mais eficientes", disse Jason Richardson, presidente da Cutting Edge Information. "Os testes clínicos podem oferecer acesso às drogas promissoras e também às consultas com os melhores médicos da área".

Ao trabalhar com os principais médicos-pesquisadores da região, as equipes clínicas puderam aproveitar a forte tradição positiva do estreito relacionamento dos pacientes com seus médicos. Com isso, os índices de retenção de pacientes e os dados clínicos de qualidade são mais altos.

Maior adesão do paciente

"A adesão do paciente é particularmente forte na América Latina", disse Richardson. "Os pacientes tendem a confiar mais e seguir atentamente as instruções dos médicos e isso aumenta a eficiência do tratamento".

Os executivos clínicos classificaram consistentemente o recrutamento e a retenção do paciente como dois dos fatores mais importantes de um teste clínico de sucesso. O custo da realização dos testes normalmente é ínfimo em comparação com o prejuízo causado por um teste que não consiga realizar o recrutamento dentro do prazo. Os locais com baixo nível de desempenho podem atrasar um testes por meses ou até anos, reduzindo a duração da patente da droga e reduzindo dramaticamente o valor da droga antes mesmo que ela seja lançada.

Os pesquisadores estudaram treze fatores que influenciam a qualidade e a eficiência do teste, incluindo os problemas com os regulamentos, padrões de estudo, acesso ao paciente e qualidade da infraestrutura. Os participantes da pesquisa e da entrevista compartilharam os dados sobre a performance em geral dos trabalhos clínicos no Brasil, México, Argentina e outros principais países da América Latina.

Suporte da estratégia de desenvolvimento clínico

Estes executivos destacaram várias das principais metas e como seus projetos de desenvolvimento da América Latina ajudaram a desenvolver estas frentes:

  • Acelerar o recrutamento e aumentar a retenção do paciente.
  • Abordar a mudança dos problemas da doença para status de nações desenvolvidas.
  • Comparar custos nas áreas de testes potenciais.

Discussão dos pesquisadores sobre os principais resultados do estudo online em http://slidesha.re/clinicaltrials-latin-america . Para mais informação sobre a estratégia e as táticas de desenvolvimento clínico, contate a Cutting Edge Information no telefone +1 919-403-6583.

Contact Information