SOURCE: International Confederation of Midwives

International Confederation of Midwives

June 17, 2011 11:48 ET

ICM: 3.000 parteiras unidas para combater a mortalidade e morbidade materna

THE HAGUE, THE NETHERLANDS--(Marketwire - Jun 17, 2011) - Parteiras de mais de 111 países se reunirão hoje no International Confederation of Midwives Triennial Congress (Congresso Trienal da Confederação Internacional de Parteiras) em Durban, África do Sul. Elas pedem que os governos de todo o mundo tomem as medidas necessárias para eliminar as mortes desnecessárias de mulheres durante a gravidez e o parto. O Congresso terá início com um comício e uma passeata às 13h30 do dia 18 de junho quando 1.000 representantes do Congresso e adeptos farão uma caminhada de 5 km na cidade. Esta é a primeira vez que a ICM realiza um Congresso na África. O evento e a passeata são uma demonstração de solidariedade com as mães e colegas parteiras de todo o continente com um dos mais altos índices de mortalidade materna e infantil do mundo. De acordo com uma estimativa global, cerca de 364.000 mulheres morrem durante a gravidez e parto todos os anos. 99% destas mortes ocorrem em países com poucos recursos.

Os representantes do Congresso se reunirão com importantes defensores da saúde materna, incluindo as Primeiras-damas do Quênia e do Malawi, e irão participar de um programa científico revisto por colegas. O programa contará com contribuintes importantes de agências globais, incluindo as Nações Unidas, Gates Foundation, Federação de Ginecologistas e Obstetras, juntamente com experts da prática e políticas de trabalhos de parteiras. O programa foi organizado pela Associação de Parteiras da África do Sul e tem por objetivo fortalecer a capacidade das parteiras enfrentarem as cinco maiores causas da mortalidade materna em todo o mundo.

Este evento importante será um local de lançamento mundial de um importante relatório global sobre o estado do trabalho das parteiras em todo o mundo criado em parceria com 26 agências internacionais, incluindo a ICM, e liderado pelo UN Population Fund (UNFPA). O State of the World's Midwifery Report: Delivering Health, Saving Lives (Relatório do Trabalho das Parteiras do Mundo: proporcionando saúde e salvando vidas) apresenta um resumo do número, nível de habilidade e distribuição de parteiras que salvam vidas nos países com os mais altos índices de morte materna. O relatório será divulgado no dia 20 de junho às 12h00 pelo Diretor Executivo do United Nations Population Fund (UNFPA), Dr. Babatunde Osotimehin, e a presidente da ICM, Bridget Lynch.

O Congresso ICM também apresentará novos padrões globais para regulamentação e educação profissional das parteiras. Estes padrões proporcionarão para os governos nacionais as ferramentas necessárias para enfrentar o déficit perigoso do número de parteiras qualificadas e apoiá-los a fornecer metas para a melhora da saúde materna e infantil. Eles foram desenvolvidos em consulta com parteiras profissionais, educadores e experts de política de saúde materna durante três anos. De abrangência global, estes padrões atendem às necessidades dos países que enfrentam os maiores desafios ao garantir que durante o parto as mulheres sejam atendidas por profissionais com habilidades essenciais para fazer o parto.

A Presidente da Confederação Bridget Lynch disse: "Este Congresso vê as mulheres como parte essencial da força de trabalho de cuidado da saúde materna e marca uma grande conquista para a nossa profissão. Somos a primeira profissão de cuidado da saúde a estabelecer padrões globais para educação, regulamentação e competência do trabalho das parteiras. Os padrões abrem caminho para serviços de trabalho de parteiras de alta qualidade. Este lançamento, juntamente com o relatório Delivering Health, Saving Lives, fornecerá uma visão global do que é necessário, a evidência do que funciona e as ferramentas necessários nesses países onde as mães pagam o preço mais alto por dar a vida", disse Bridget Lynch, Presidente da ICM.

Para mais informação sobre o International Confederation of Midwives e o Congresso de Durban, acesse www.internationalmidwives.org.

Contact Information