SOURCE: Bombardier Aerospace

Bombardier Aerospace

April 07, 2011 16:18 ET

Montadora Mirabel da Bombardier prepara-se para a montagem final para o voo teste da aeronave CSeries

MONTREAL, QUEBEC--(Marketwire - April 7, 2011) - A Bombardier deu início aos trabalhos na montadora da aeronave em Mirabel, Quebec, para acomodar a montagem final do primeiro voo teste da aeronave CSeries. Esta é outra etapa do desenvolvimento em cinco fases na montadora de Mirabel que, no final, dobrará o tamanho do local para 860.000 pés quadrados (79.897 metros quadrados).

A otimização do espaço e novos equipamentos na montadora de Mirabel, iniciados no mês passado, acomodarão a montagem final da primeira aeronave CSeries necessária para o voo teste e programa de certificação. A construção da Complete Integrated Aircraft Systems Test Area (CIASTA), a primeira área da montadora de Mirabel criada para o programa da aeronave CSeries, está dentro do prazo com a instalação de sistemas em andamento.

Além disso, os novos prédios do programa da aeronave CSeries terão uma área para satélite de fornecedor, áreas adjacentes de montagem estrutural final e linha de pulso, uma área de teste pré-voo, e um centro de entrega e administrativo.

As necessidades de produção, qualidade e ergonômicas estão direcionando a abordagem técnica da Bombardier na montagem final da aeronave CSeries. Embora menor que o jato regional CRJ1000 NextGen de 128 pés (39 metros) de comprimento, a maior aeronave atualmente produzida na montadora de Mirabel, a aeronave CSeries terá uma fuselagem de maior diâmetro, a asa será mais longa e a traseira será mais alta do que a aeronave CRJ1000 NextGen. A Bombardier empregará técnicas de montagem final diferentes das técnicas usadas nos jatos regionais. Por exemplo, dois pares de robôs serão usados para fazer orifícios, aplicar vedações e instalar prendedores para unir as partes principais da fuselagem da aeronave CSeries.

"A tecnologia avançada de robôs proporcionará a repetição previsível, aprimorar a qualidade e evitar problemas ergonômicos na linha de montagem", disse Francois Minville, Vice-Presidente, CSeries Manufacturing, Bombardier Commercial Aircraft. "A fuselagem da aeronave CSeries tem 12 pés (3,7 metros) de diâmetro e isso apresenta um desafio de montagem com nossos métodos convencionais. Os robôs podem trabalhar na parte de cima, lateral e inferior da aeronave sem nenhum limite".

Uma linha de produção móvel está sendo montada no St-Laurent Manufacturing Centre da Bombardier, onde os principais componentes da aeronave CSeries, como cockpit e fuselagem traseira, estão sendo fabricados, e uma linha de montagem final móvel está prevista para Mirabel. Comparada com outros setores, a manufatura de aeronaves tradicionalmente é de longos ciclos e baixo volume. A introdução de uma linha de montagem final móvel cria um ambiente dinâmico que melhora a eficácia da produção.

Para reduzir o tempo necessário para a montagem de uma aeronave maior e mais complexa, a Bombardier está introduzindo processos avançados para garantir o recebimento de peças de alta qualidade na montadora a tempo.

"Estamos aprimorando a nossa cultura de qualidade na Bombardier para dar suporte à produção da aeronave CSeries", disse o Sr. Minville. "Com o compartilhamento do conhecimento e das melhores práticas, estamos aprofundando a nossa experiência com programas de aeronaves que envolvem fornecimento de risco compartilhado e aperfeiçoando nossos processos".

Desde o desenvolvimento de jatos executivos Global Express de ultra-longo alcance em meados de 1990s, a Bombardier obteve uma vasta experiência com trabalho com parceiros internacionais e uma rede global de fornecedores para a fabricação de componentes para aeronaves de grande estrutura, como asa e fuselagem. Para ampliar esta experiência, foram introduzidos novos processos de advanced quality planning (AQP - Planejamento de Qualidade Avançada) e advanced logistics planning (ALP - Planejamento de Logística Avançada) para identificar áreas de risco em potencial na manufatura, integração de sistemas e logística da cadeia de suprimentos do programa da aeronave CSeries. O lançamento do AQP e ALP demonstram a dedicação da Bombardier para com as ferramentas de qualidade preventiva como Process Control Plans (Planos de Controle de Processo), Mitigation Approach Plans (Planos de Abordagem de Mitigação) e Failure Mode Effects Analysis (FMEAs - Análise dos Efeitos do Modo de Falha) comumente empregados nos setores de tecnologia, cuidado da saúde e automotivo.

As equipes da Bombardier deram início à metodologia de planejamento de logística de qualidade avançada para fornecedores do programa da aeronave CSeries em 2010, e o sistema já foi implementado em 26 fornecedores de classe um e 46 montadoras.

A aeronave CSeries, otimizada para o mercado de uma única fila para 100 a 149 passageiros, terá o custo operacional mais baixo da sua categoria, excepcional flexibilidade operacional, conforto da fuselagem grande e incomparável histórico ambiental. O objetivo da Bombardier é capturar até metade da demanda prevista para o mercado de 6.700 aeronaves do segmento de aeronaves comerciais de 100 a 149 passageiros. Este segmento terá um valor de $393 bilhões nos próximos 20 anos.

A Bombardier lançou 28 novos programas de aeronaves desde 1989, incluindo aeronaves executivas, comerciais e de missão especial. Com o contínuo investimento em excelência em engenharia e manufatura a empresa se posicionou como a terceira maior fabricante de aeronaves civis do mundo.

Bombardier

Fabricante líder mundial de soluções de transporte inovadoras, desde aeronaves comerciais e jatos particulares a equipamentos, sistemas e serviços de ferrovias, a Bombardier Inc. é uma corporação global com sede no Canadá. Suas vendas para o exercício fiscal encerrado em 31 de janeiro de 2011 foram de $17,7 bilhões de dólares e suas ações são negociadas na Bolsa de Valores de Toronto (BBD). A Bombardier está listada nos índices Dow Jones Sustainability World e North America. Para notícias e informações, acesse www.bombardier.com ou siga-nos no Twitter @BombardierInc.

Nota para os editores

Imagens da aeronave CSeries estão disponíveis na seção de press releases no: www.bombardier.com.

Para imagens e vídeo adicionais e informação de produto da aeronave CSeries, acesse: www.nowisthefuture.com.

Siga a @Bombardier_Aero no Twitter para receber as mais recentes notícias e updates da Bombardier Aerospace.

Bombardier, CRJ1000, CSeries, Global Express e NextGen são marcas comerciais da Bombardier Inc. ou de suas subsidiárias.

Contact Information