SOURCE: PIMCO

September 12, 2007 10:09 ET

PIMCO Anuncia o Retorno de Mohamed El-Erian à Empresa como Co-CEO, Co-CIO

NEWPORT BEACH, CA--(Marketwire - September 12, 2007) - A PIMCO, uma das maiores empresas administradoras de investimentos, anunciou hoje que Mohamed El-Erian, ex-Diretor Administrativo e Gerente Sênior de Portfólios, retornará à empresa em janeiro de 2008 em um cargo recém-criado de Diretor Administrativo, Co-CEO e Co-CIO. Na nova função, El-Erian se juntará ao CEO Bill Thompson e ao CIO e fundador da empresa, Bill Gross, como membro da equipe administrativa sênior da PIMCO.

El-Erian voltará à PIMCO da Harvard Management Company (HMC), onde, desde sua contratação em outubro de 2005, vinha se destacando como Presidente e CEO da empresa de doações da maior universidade do mundo. Durante sua participação na HMC, El-Erian refez a equipe administradora profissional de investimentos e contribuiu para que houvesse excelentes resultados em termos de investimento para Harvard. Antes de ser contratado pela HMC, El-Erian trabalhou na PIMCO durante 7 anos e era um membro sênior considerado de grande importância da equipe de Gerenciamento de Portfólios. Antes da PIMCO, ele trabalhou por 15 anos no FMI (Fundo Monetário Internacional).

"O retorno de Mohamed à PIMCO cria um triângulo de liderança e eficiência importante no mais elevado nível sênior da nossa empresa", disse Thompson. "Nós damos as boas-vindas a ele como líder nato, investidor excepcional, além de ser um dos nomes mais respeitados no mundo dos investimentos." Thompson acrescentou: "No momento, nem Bill Gross nem eu temos planos de sair e, na verdade, acabamos de ser eleitos pelos Diretores Administrativos da PIMCO para um período de 5 anos em nossos respectivos cargos. As demandas e as complexidades das nossas funções sugerem que a inclusão de um talento único como o de Mohamed favorecerá a contribuição por parte de todos nós."

Gross disse que o retorno de Mohamed "reforçaria uma equipe administrativa já qualificada e ajudaria a situar a empresa em relação ao futuro. Estou entusiasmo em vê-lo se juntando a Bill Thompson e a mim em um cargo de liderança e com a ajuda para que possamos formar a nossa visão em relação às direções a serem tomadas pela PIMCO nos próximos anos."

El-Erian, 49, disse estar entusiasmado com o retorno à PIMCO depois de "um período estimulante na HMC, onde tive o privilégio de trabalhar com pessoas maravilhosas. Com grande parte da nossa família morando na Costa Oeste, foi importante para nós estarmos perto deles". Ele acrescentou: "No retorno à PIMCO, espero trabalhar com um grupo altamente talentoso e qualificado de profissionais de nível internacional que são os melhores no que fazem e ajudar na administração dessa grande empresa na direção do futuro."

Em seu novo cargo, El-Erian deve contribuir para a estratégia de investimentos da empresa e o processo de gerenciamento de portfólios em todas as linhas de produto da PIMCO. Além disso, ele ajudará a orientar a estratégia comercial da empresa, ampliar o número de produtos e serviços, além de aprimorar as relações dela com instituições globais.

Sobre a PIMCO

Com mais de 693 bilhões de dólares em ativos sob sua administração, a PIMCO é uma das maiores empresas administradoras de fundos. Fundada em 1971 e com sede em Newport Beach, na Califórnia, a empresa é de propriedade da Allianz Global Investors, uma subsidiária do Allianz Group, com sede em Munique, uma das principais seguradoras do mundo com cerca de 1,5 trilhão de dólares em ativos e com representações em 70 países em todo o mundo.

Exceto pelas informações históricas e análises aqui contidas, as declarações presentes neste press release constituem declarações de intenções futuras no âmbito da Lei de Reforma de Litígio de Títulos Privados de 1995. Essas declarações podem envolver vários riscos, incertezas e outros fatores que acarretem resultados materialmente diferentes dos reais, inclusive o desempenho de mercados financeiros, o desempenho em termos de investimento dos produtos com a marca PIMCO e contas mantidas separadamente, condições econômicas gerais, aquisições futuras, condições da concorrência e regulamentações governamentais, inclusive alterações em leis tributárias. Os leitores devem considerar esses fatores. Além disso, essas declarações só são válidas na data em que foram redigidas. A PIMCO não assume nenhuma obrigação em atualizar nenhuma declaração de intenção futura a fim de refletir eventos ou circunstâncias após a data em que as declarações foram feitas.

Contact Information



  • CONTATO
    Mark Porterfield
    PIMCO - Relações com a Imprensa
    949-720-NEWS (6397)